Mensagens à Casa da Música –

“Que a Casa da Música prospere, e a música cresça cada vez mais. Felicidade e vida longa com poesia, música e amor.”

Fabrício Rios

“Agradeço a Casa da Música por nos haver proporcionado uma noite muito agradável e especial, desejo de todo o coração que vocês continuem incentivando a boa música e muito sucesso, vocês são maravilhosos”

Andréa Maia e Ermano Príncipe

“Casa da Música,

“Adorei vir aqui cantar,

E voltarei sempre para me purificar,

Seu filho da Purificação.

Beijos,”

J. Velloso

“Parabéns pelo cuidado com esta Casa tão especial, neste lugar tão lindo.

Vida longa a esta Casa.

Axé!”

Alexandre Leão

“Salvador merece 365 Casas da Música”

Axé!”

Tâmara Azevedo

“Escolhi a música como meta de vida,

e tendo uma casa  linda jamais me sentirei sem teto.

Viva a Casa da Música!”

Giba Conceição

“Talvez depois de conhecer este espaço, o baiano tenha mais orgulho e bom gosto pelos trabalhos poéticos e musicais dos seus artistas”

Bule-Bule

“Estar na Casa da Música é como dar um mergulho no Abaeté: refresca

Culturalmente é um prazer de vir.

Parabéns a equipe da Casa da Música,

Por movimentar novamente o Abaeté

Com coisas boas e artistas brilhantes.

Mamãe Oxum agradece.

Beijos”

Juliana Ribeiro

“Casa da Música,

Muita luz

Nessa Casa de Deus!

É de Deus

É de Deus

É de Deus

Essa Casa é de Deus!

Todo meu respeito e carinho!”

Mariene de Castro

Anúncios

41 comentários sobre “Mensagens à Casa da Música –

  1. Gostaria inicialmente de elogiar o maravilhosos trabalho realizado por esta casa na divulgação do acervo musical baiano e brasileiro através de seus saraus e bate papo musicado. Para abrilhantar ainda mais esse magnífico trabalho gostaria de sugerir como um tema para o bate papo musicado as influências africanas na musicalidade baiana.

  2. nossa que felicidade poder participar desse momento de oxigenação cultural que o nativo e querido amigo coordenador e equipe desta casa vem desenvolvendo com tamanho amor e profissionalismo!!! viva a cultura!!!é nós na fita!!!
    analu franca

  3. Como desesconder a cultura de itapuã?
    Como criar redes com a cidade?
    Estas são perguntas que a casa da musica vem respondendo em suas programações.
    Parabéns a todos que acreditam e desenvolvem este trabalho.

  4. A CASA DA MÚSICA de Itapuã é um lar para os “sem teto” em matéria de Arte e Cultura.
    É um espaço de grande utilidade na difícil missão que o homem tem nesse pequenino planeta de levar aos seus semelhantes o verdadeiro “ABC”, ou seja: Arte, Beleza e Conhecimento!
    É um “Oásis” no cenário de beleza incontestável que é o complexo de Itapuã, composto por uma praia de rara beleza, um imenso coqueiral enfeitado por dunas de areias tão alvas que confundem a nossa visão e ainda por uma “lagoa escura arrodeada de areia branca” – a encantadora Abaeté – enriquecendo ainda mais o cenário de magia e beleza que só a Bahia tem!
    Parabéns a Amadeu – seu coordenador – e a cada componente da eficiente equipe responsável pelo seu funcionamento.
    Lúcio de Oliva.

  5. Acasa da musica é o céu dos poetas

    O vento soprou bem forte
    E fez nascer uma musa
    Mudando assim nossa sorte
    Parindo a casa da musica
    Uma flor na areia branca
    Bate o sol mais não mucha

    Parabens grande Amadeu

  6. Na casa da musica

    Tem a sombra da gameleira
    Na magia do aconchego
    Conversas e brincadeiras
    Vale a pena chegar cedo
    Tem gente de boa fama
    Fazendo show sem dinheiro

    Viva a casa da musica

  7. PUCHANDO O SACO RSRSRS

    Casa da musica

    No tempo que as águas
    Eram fartas na lagoa
    Brancas negras e mulatas
    Cantavam lavando roupa
    Batucavam nas latas
    E sambavam como poucas

    O povo de santo chegava
    Vestidos sempre de branco
    Seu balaio arriava
    Nas águas do turvo manto
    Enquanto o som dos tambores
    Completavam o encanto

    Pescava-se de anzol
    Com tarrafa e jéreré
    Se podia andar só
    Sendo homem ou mulher
    Namorar com lua cheia
    Nas águas do Abaeté

    Havia samba e cachaça
    Gente cantando roda
    Dois ou três numa prosa
    A areia virava praça
    Menina de saia curta
    Fazia sua pirraça

    Assim foi nesse tempo
    Que hoje virou estória
    Revivido em poucas horas
    Com doçura e sentimento
    Nas lembranças e saudades
    Da lagoa em seus momentos

    O vento soprou bem forte
    E fez nascer uma musa
    Mudando assim nossa sorte
    Parido a casa da musica
    Uma flor na areia branca
    Que o vento bate e não mucha

    Tem a sombra da gameleira
    Na magia do aconchego
    Conversas e brincadeiras
    Vale a pena chegar cedo
    E gente de boa fama
    Fazendo show sem dinheiro

    Tem poetas e cantores
    Tocadores de viola
    Palhaços e bons atores
    fazendo tudo na hora
    Tem Amadeu na direção
    Fazendo a nova estória

    O ambiente é decente
    Não há outro igual
    A gente fica contente
    Feliz em cada sarau

    171

  8. Quando eu era menino escutei uma lenda contada por uma colega da escola que era tambem criança como eu, tinhamos uns oito anos, nao sei de quem ela escutou ou se foi criada por ela, dizia que escondido na areia branca do abaeté havia uma joia de cristal em foma de sapato e que a pessoa que a encontrasse se tornaria muito feliz, e teria muita sorte na vida, fui correndo procurar na vastidão de areia prata mais nada encontrei, hoje ja estou com 60 anos e so agora foi que descobrir a joia por ela descrita, o sapato por ela citado não era para o pé caminhador, mais para os pés da alma, era o sapato da cultura uma joia transparente de cristal translucido que reflete o colorido da musica, da poesia e das artes cenicas. Seria a casa da musica a joia do Abaeté?
    Acredito que sim, e voce?

    Aloisio Lisboa

  9. O sarau do dia 23/11 foi muito bom quem não veio perdeu rsrsrs

    A chama

    A vela branca a consumir na chama
    Com será frágil modelando lagrimas
    Enquanto a luz, tão leve, bruxuleava
    Um outro fogo me aquecia a cama

    O busto jovem em gesto insinuante
    Esconde e mostra o formato belo
    E meus lábios tremem, entre abertos
    A beijar as curvas da querida amante

    O fogo queima indolor na vela
    Cujo gozo eleva o grito delirante
    Que fez ouvir tão breve, num instante
    Como um brilho dissipando as trevas

    Apagou-se a chama sobe a grande lua
    E a noite envolve outro corpo amado
    No suor que esfria o lençol molhado
    De você tão bela, em minha cama nua

    Em outra vela a chama queimara
    Tão ardente no amor gozado
    Na aventura desses namorados
    Que vivem sempre o prazer de amar

    Aloísio Lisboa

  10. Casa da musica o céu dos poetas

    A jura

    No frescor da madrugada
    Que adoça o novo dia
    Chegam lembranças novas
    Da doçura de Maria
    Que logo foi-se embora
    Me deixando a agonia

    Me juraste tanto amor
    Quantas vezes até rir
    De tudo que me fez ver
    Fez saber e fez sentir
    Agora eu choro não ter
    A doçura que eu perdi

    Se você voltar eu topo
    Começar nova aventura
    E em novas madrugadas
    Relembrar toda doçura
    Esquecer de toda mágoa
    E não rir das suas juras

    Vou casar pra começar
    E prometer fidelidade
    Nossos filhos vão nascer
    Vai encher uma cidade
    Pra você poder saber
    E desfrutar felicidade

    Quando a idade chegar
    Dissolvida em amargor
    Na doçura revivida
    Lembraremos do amor
    Que adoçou nossa vida
    Toda vez que tu jurou

    Aloísio Lisboa

  11. Ponto de encontro das culturas popular e erudita, disseminadora das tradições orais negras e indígenas, a Casa da Música faz o resgate da auto estima da população de Salvador.

  12. Mais um bate papo musicado de grandfe valia para os frequentadores da casa da musica com o tema (quero ser tambor) apresentado por Narf e Manecas Costa, sendo o Narf da Galicia e o Manecas do Guiné Bissau.
    Valeu Amadeu Casa da Musica Alves.

  13. Ser tambor

    Tambor do Guiné Bissau
    Ao pulsar do coração
    Rufou com o berimbau
    Na terra dos seus irmãos
    E o canto doce em galego
    Nas cordas do violão
    Cantou o choro nos dedos
    Mas não contou o segredo
    Das aguas do seu purrão

    Queria eu ser tambor
    Cabaça dos verdes mares
    Cruzando aguas de horror
    Levando o som dos palmares
    Pra ver o trite cantar
    Espantando os males
    Do coração sofredor
    Ser afagado e tocado
    Ser apenas tambor

    Aloisio Lisboa

  14. Parabens João c comandou bem o sarau do dia 07/12
    só faltou vc cantar mais um pouco,. pô cara c toca e canta e fica ai parado meu rei rsrsrsrsrsr um abraço

  15. Ultimo Sarau do ano 2009

    Foi um sarau cheio de emoçoes, por la chegou um personagem
    que apesar de não ser palhaço provocou muitos risos e descontração, Israel, voz e violão foi tão inedito quanto comico, enquanto Amadeu Alves João Ninguem e Sr. Reginaldo abrilhantaram o evento com musica de bom gosto. Mais uma vez parabens Amadeu pelo seu trabalho, dedicação e carinho ao acolher a todos que passam pela CASA DA MUSICA.

  16. CAMISA DE ONZE VARAS

    O termo usado por mim no primeiro sarau de 2010
    é muito conhecido no sertão, e como bom sertaneijo e catingueiro que sou carrego comigo ainda os costumes e o linguajar da minha terra, quando falei camisa de onze varas vi que muita gente não entendeu e no fim até achei engraçado. VARA era um sistema de medida linear, como o metro ou a braça que ate hoje é usado, uma camisa de onze varas significa uma camisa muito grande como uma mortalha que era usada para vestir o defunto morto falecido rsrsrsrsrsr ou seja colocar uma pessoa em situação dificil,, no final até Amadeu tambem se meteu em uma CAMISA DE ONZE VARAS.

  17. Mostra de guitarra bahiana

    muito bom, um momento parecia que eu estava no ceo

    Quando escuto essa guitarra
    Fico assim extasiado
    Quem inventou esta danada
    foi um anjo muito doido
    Ou um deus humanizado
    Que fez som com muita manha
    Completando a façanha
    Com um trio eletrizado

    parabens a Casa da Musica parabens Julho Caldas

  18. Gente cada vez que vou nesta casa me energizo de coisas maravilhosas. O sarau ontem foi tudo de bom.
    Parabéns a toda a administração do evento.

    um abraço,

    Alê Marques

    • Gostei do bate-papo e do desabafo do grande BULE- BULE
      e tambem do video que me fez lembrar lugares onde vivi quando era menino,rsrsrsrsr sou catingueiro seu moço. PARABENS GRANDE AMADEU PELO SEU TRABALHO, pena que nao deu pra ficar até o final pois meu horario estava conprometido, grande abraço.

  19. Amadeu e Geane,

    Como estão vcs?

    Bem, estou confirmando minha presença no segundo dia deste seminário sobre educação musical. Chegarei em Salvador, dia 20, pela manhã!

    Um grande abraço pra vcs.

    Harue

  20. Parabens GRANDE Amadeu não só pelo seu niver mais tambem pelo seu trabalho , segue os meus singelos vessos em homengem a esse dia , o seu dia.

    Meu desejo

    Sopre mais forte o vento
    No armado velame auro
    E livre navegue os mares
    Em tempos de sofrimento

    Mansa lhe sejam as águas
    Que faz a nau balançar
    Se façam mares de rosas
    Pra o navegante zarpar

    E a vela branca do barco
    Seja uma estrela nos mares
    Se esfogueando nas noites
    Do céu em luz pontilhado
    Seja o teu pai grande Deus
    E tu um profeta velado

    Que o teu sol brilhe forte
    E alegre te sejam os dias
    Te seja a vida de paz
    Harmoniosa e de sorte
    Cantando mate as mágoas
    Em dissonantes acordes

    Entre os amigos honrando
    E amado seja entre os seus
    É o meu desejo sincero
    E é tudo que hoje quero
    Pra o meu amigo Amadeu

    Aloísio Lisboa

  21. Gostaria de submeter o seguinte comentário:

    ====================
    – CASA DA MÚSICA DE ITAPUÃ –
    ====================

    A casa da Música é uma revelação!
    Nascida sob a inspiração dos encantos e mistérios do Abaeté, ela emergiu das águas negras para trazer alegria, entretenimento e as luzes da cultura ao povo de Itapuã e já goza de prestígio nacional.
    Palmas para ela!

    Quem freqüenta a Casa da Música
    está sempre bem acompanhado
    tem uma platéia distinta
    e artista pra todo o lado

    Lá você só encontra
    coisa boa de se ver
    gente querendo ensinar
    gente querendo aprender

    Se você gosta de arte
    ou é apreciador de cultura
    você pode fazer parte
    sem temer qualquer agrura

    Se você é curioso
    e quer se atualizar
    procure a Casa da Música
    garanto que vai gostar

    E se gostar peça bis
    pois foi assim que eu fiz
    e acabei ficando freguês

    Comecei desconfiado
    fui ficando apaixonado
    e acabei ficando de vez.

    Lúcio de Oliva.
    =========
    ___________

  22. Desejo externar minha mais profunda simpatia pelo projeto Casa da Música, tendo tido recentemente a oportunidade de desfrutar junto a meus amigos, de momentos deliciosos, ouvindo o mar, a voz rouqinha da exuberante Marcia Short, o violão ensolarado do Edu Nascimento, e a percussão singela da Milie, todos os sons envoltos pelo trovão alado do Eudásio e participação caymmiana do Amadeu. Abraços do octacilio rocha

  23. Madrugava

    Quando morre um poeta
    A terra chora triste calada
    Começa no céu outra festa
    No seu dia que madrugava

    Quem ficou vai escutar
    No silêncio declamado
    As belas palavras mudas
    Que por Deus lhe foi mandado

    No dia que madrugava
    Começou no céu outra festa
    A terra chorou triste, calada
    Quando mureru o poeta

    Mais triste ficou a gente
    Com seus poemas na mente
    Nos palcos da vida altares
    Do grande Idasio Tavares

    Aloísio Lisboa

  24. É maravilhoso pra mim gaúcha abaianada,ou baiúcha como me chamavam na BA, ver que participai de uma semente que frutificou…participei do 2º Sarau da Casa da Música de Itapuã!
    Sou integrante licenciada da IMA!!! Feliz por ter feito parte desta iniciativa também!
    Amigos da BA, o Rio Grande do Sul pode ser “meu pai”, mas MINHA MÃE É a BA!!!
    Vamos em breve fazer um link cultural destes dois estados onde a Cultura Afro é muito importante e aqui em particular, aparentemente discreta!
    Saravá e muito Axé pra este povo lindo que adoro!
    bjos aos amigos!

  25. Não sabia da existencia dessa Casa,Em São Paulo muita informação nao
    chega ,hoje tudo mudou.Tudo isso porque quero fazer contato com um
    grande artista na minha opinião, Chico Evangelista com quem vivi na
    inesquecivel Vila Madalena SP.Se puderem me ajudem a encontrá-lo
    Agradecida Débora Salgueiro,Bls a ele.

    • Débora, no momento não temos o contato dele, mas vamos dar uma pesquisada. Não deve ser difícil encontrá-lo.
      Favor, enviar um e-mail para casadamusica.funceb@gmail.com, logo depois do carnaval, se ainda não tivermos mandado informações sobre o Chico Evangelista.
      Teremos o maior prazer em fazer essa ponte entre vocês.
      Abraço,
      Amadeu Alves
      Coordenador da Casa da Música

  26. Enquanto historiadora e moradora do bairro, é uma grande honra pra mim poder desfrutar da Casa da Música, enquanto espaço cultural. Sua importancia para Salvador e principalmente para a comunidade de Itapuan é indescritível, a partir do momento em que nos traz uma cultura alternativa, de modo a valorizar a história local e cada indivíduo enquanto sujeito agente da sua história, seja este de qualquer etnia.
    Então meu povoo, aproveitemos esse espaço! Agarrem com força essa idéia!!Ab.

  27. Como sempre, os eventos e atividades na Casa da Música estão cada vez melhores.Parabéns!É legal ver um trabalho dessa amplitude no bairro que a gente mora.Mais uma vez, PARABÉNS à todos e um forte abraço!
    Paulo Matos

  28. Olá companheiro Amadeu

    Há tempos, acompanho o seu trabalho e da sua equipe na Casa da Música, percebo que está cada dia melhor. Espero que a gente possa contribuir mais uma vez com o processo de crescimento desta Casa. O que para nós será uma grande honrra. Um forte abraço!
    Paulo Matos

  29. Boa Tarde pessoal,
    eu gostaria de saber como faço pra conseguir um cd com as musicas do primeiro cd do cravo negro!
    Se por acaso vcs tiverem ai e queria ver como faço pra comprar!

  30. Caros Companheir@s da Casa da Mísica,

    Ahei ótimas as apresentações dos artistas exibidas dos saraus abril/maio2011 na Casa da Música, masi uma vez a equipe está de PARABÉNS! Contine assim, que o sucesso é certo. Permita-me só uma pequena observação, com mil desculpas… Faltou nitidêz nas imagens dos videos. No mais, tudo bem. Um forte abraço!
    Paulo Matos

  31. Agradeço a oportunidade de meu filho Marcelo Paiva ter mostrado a sua composição de Rap no intervalo das apresentações dos artistas da noite de ontem. Foi o que ele me disse: ” dia 07.11.2011, foi um dos dias mais felizes minha vida..,” ele se apresentou para o público que foi bastante receptivo a sua performance. Para mim foi um grande insentivo para que ele acreditasse em seu potencial. Fiquem com Deus!!! Dulce.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s