Gira de Cantautores retorna ao Sarau de Itapuã  com Jonga Lima e convidados

Sarau de Itapuã - Gira de Cantautores-01

Em mais uma edição do Sarau de Itapuã, a Casa da Música – espaço cultural administrado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) – recebe o músico e compositor Jonga Lima com o projeto Gira de Cantautores, na segunda-feira, dia 15.08, à partir das 18h30. O evento já é tradicional na Casa da Música e nessa edição Jonga Lima recebe como convidados os artistas Tito Bahiense e Pedro de Rosa Morais. A entrada é gratuita e a classificação é livre. O projeto Gira de Cantautores busca valorizar a canção autoral interpretada pelos seus próprios compositores. Importa o adjetivo “cantautores” da língua espanhola que tão perfeitamente traduz em palavra essa atitude dos compositores que interpretam suas próprias canções. Durante a apresentação, os artistas comentam algumas particularidades de sua criação, interagindo e envolvendo o público no processo de construções das canções durante o show.

Gira de Cantautores – criado por Jonga Lima, estreou em 2015 no Teatro Sesi-Rio Vermelho, onde recebeu como convidados o cantautor argentino Sebastian Paz e o guitarrista chileno Jorge Solovera.

Jonga Lima – Músico, compositor, estudante de Letras e radialista, Jonga produz e apresenta desde o início de 2010, todos os domingos, às 9h, o programa de rádio Brasil Pandeiro, pela Educadora FM-107.5, num mergulho no universo do samba brasileiro. Lançou em 2015 dois novos discos. Um CD Coletânea com suas principais canções já gravadas, produzidos ao longo de 25 anos de carreira. E um disco com o parceiro argentino Sebastian Paz (Batty), intitulado “Caminos, llaves y puertas”, com 11 canções autorais em clima estético e musical latino-americano, registrado em vídeos no Youtube em sua página. Fez o show da Virada de ano 2015/2016, no Vale do Capão, na Chapada Diamantina, para mais de 3.000 pessoas. Em 2015 assinou a direção musical do espetáculo circense “Gregório de Matos no Circo Picolino”, que homenageou o poeta baiano Gregório de Matos, sob a direção geral de Anselmo Serrat.

Tito Bahiense – O cantor e compositor Tito Bahiense gravou com o poeta Manuca Almeida, o CD BopSamba, que traz um misto de melancolia, swing, improviso, jazz, samba. A inspiração estava a todo vapor no momento do encontro dos dois amigos que ocorreu em São Paulo, num clima de descontração, por volta de 2002. São 13 faixas ao todo que compõem o disco. Além de Manuca e Tito, Alexandre Leão também assina uma das composições. Apesar de ter sido concebido há bastante tempo, em 2005, Tito Bahiense faz questão de frisar que o CD é atemporal. Na estrada desde o início dos anos 1990, Tito acumula bastante experiências com música e também com teatro. Como intérprete de João Gilberto, já conquistou um prêmio nacional. Atualmente, ele concilia a carreira solo com os trabalhos da Banda do Bem que acompanha a cantora Ivete Sangalo.

Pedro de Rosa Morais – O cantor e compositor Pedro de Rosa Morais destacou-se no cenário da música independente da Bahia com seu show “As Rosas não Falam” em homenagem a Cartola. O espetáculo estreou em 2008 em comemoração ao centenário do sambista carioca e já passou pelo Teatro Gamboa Nova, Teatro Vila Velha e Teatro Rubi. Agora Pedro toca pra frente seu mais novo show, intitulado Passarinho, no Teatro Gamboa Nova, com direção musical de Ronei Jorge Martins, o show conta com diversas participações e muitas canções populares brasileiras. Depois de ter feito show temáticos em homenagem a Cartola, Quem há de Dizer , relembrando Lupicinio Rodrigues e o ancioneiro popular em Naquele Tempo e De Bossas e Sambas , o artista resolve nesse show cantar canções de novos compositores, sempre mantendo a linha que mais lhe atrai que é o romantismo brasileiro. Entre os compositores locais estão Jarbas Bittencourt, Sandra Simões, Manuela Rodrigues, Tuzé de Abreu, Jonga Lima e Ian Lasserre. No show, Morais é acompanhado pelos músicos: Rudnei Pontes Monteiro (guitarra), Cadinho Almeida (baixo), e Leo Bittencourt (bateria).

O Sarau de Itapuã – realizado pela Casa da Música (SecultBA) que tem a administração do músico e gestor Amadeu Alves, em parceria com a IMA (Independência Musical Associada). O evento acontece há 09 anos, quinzenalmente, às segundas-feiras. O formato de Sarau permite a participação interativa do público em uma série de atividades.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s